Telefones

Práticas recomendadas para segurança de aplicativos móveis - uma necessidade para todos os desenvolvedores

segurança para celulares

A proteção no aplicativo é um conceito muito importante. Ele deve incluir práticas adequadas associadas à segurança do aplicativo móvel, para que o aplicativo fique livre de riscos e não divulgue as informações pessoais do usuário para pessoas não autorizadas, como hackers. Tipos adequados de verificações de segurança devem ser realizados para disponibilizar o aplicativo ao público.

A seguir, estão alguns dos métodos que devem ser considerados pelos desenvolvedores para que eles possam oferecer aos consumidores os melhores serviços de qualidade e aprimorar sua experiência:

- A segurança dos dados deve ser aprimorada: Os desenvolvedores dos aplicativos devem se concentrar no desenvolvimento de políticas e diretrizes adequadas relacionadas à segurança, para que os usuários não sejam capturados com muita facilidade pelos hackers. Este procedimento inclui a implementação adequada da criptografia de dados, para que as informações sejam compartilhadas com segurança entre os dispositivos com a ajuda de firewalls e outras ferramentas de segurança, sempre que necessário. Os desenvolvedores de aplicativos devem seguir as diretrizes adequadas publicadas para os aplicativos baseados em Android e iOS.

-A senha não deve ser salva: Muitos aplicativos solicitam o salvamento de senhas, para que os usuários relaxem inserindo detalhes repetidamente cada vez que visitam o aplicativo. Porém, no caso de roubo associado ao celular, as senhas também podem ser mal utilizadas e os ladrões podem ter acesso total a todo tipo de informação. Para evitar todos esses cenários, os usuários devem garantir que não salvem as senhas em todos os dispositivos móveis. Uma boa substituição dessa opção é que a senha deve ser salva no servidor do aplicativo para que você possa efetuar login e alterar a senha, mesmo se o celular for perdido.

- A sessão de logout deve ser aplicada: Muitos usuários geralmente pulam para sair do site ou aplicativo que estão usando. Essa é a prática mais comum nos casos de aplicativos bancários e outros aplicativos de pagamento. Mas essa prática pode ser altamente prejudicial para os usuários. Esse é o principal motivo pelo qual aplicativos de pagamento de melhor qualidade sempre encerram as sessões dos usuários, para que os níveis de segurança dos usuários possam ser aumentados.

Os especialistas em segurança devem ser consultados a cada momento: No entanto, as equipes de segurança das organizações e desenvolvedores de aplicativos são altamente experientes, mas ainda assim, as pessoas de fora podem ajudar a dar uma nova perspectiva a um problema. Portanto, os desenvolvedores de aplicativos devem considerar os pontos de vista dos especialistas em segurança para que as brechas possam ser corrigidas e os compromissos minimizados. Todas as empresas devem incentivar as equipes de desenvolvimento, a fim de obter os recursos de segurança dos aplicativos acessados ​​e avaliados pelos provedores de serviços terceirizados, para que as melhores medidas de qualidade possam ser verificadas e tomadas.

-Deve haver autenticação multifatorial: A autenticação multifator ajudará a fornecer a melhor camada de segurança sempre que o usuário fizer login no aplicativo. Isso também ajudará a cobrir o problema da senha muito fraca, que pode ser facilmente adivinhada pelos hackers e não haverá comprometimento com a segurança do aplicativo. Essa autenticação multifatorial também ajudaria a fornecer os códigos secretos que podem ser compartilhados com a senha, para melhorar a segurança e a experiência dos usuários. O código será enviado por SMS ou email. Portanto, as chances de hackers terem acesso a esses aplicativos serão menores.

-O conceito de teste baseado em penetração: Esse conceito é conhecido por verificar as vulnerabilidades em um aplicativo. Todas as possíveis fraquezas do aplicativo que os hackers podem usar para comprometer a segurança são identificadas aqui. A política de senha da semana e outros problemas podem ser resolvidos com muita facilidade. Quando a recriação de aplicativos for feita pelos hackers, a segurança ajudará a determinar a fraqueza que existe ou não. É altamente recomendável usar a opção de teste de penetração para que todo o aplicativo seja altamente seguro e protegido. Os mais comuns são os testes de caixa branca e de caixa preta, para que os problemas de segurança possam ser identificados. É um processo passo a passo completo que envolve a abordagem pré-teste, fase de teste, fase de relatório e, em seguida, chega à fase de revisão.

- O uso de dispositivos pessoais deve ser evitado: Para reduzir as despesas gerais associadas à compra dos sistemas, muitas empresas optam pela opção de os funcionários levarem um emprego para seus próprios dispositivos. Isso pode levar a vários problemas nos dispositivos pessoais que já estão em andamento nos dispositivos do funcionário e vice-versa. Portanto, problemas como cavalos de Troia e malware podem mudar de um dispositivo para outros e, finalmente, afetam cada dispositivo. Portanto, as organizações devem evitar todas essas práticas e todos os dispositivos que devem ser conectados às redes do escritório, para que o processo possa ser verificado de maneira completa e adequada antes de permitir o acesso.

-Bibliotecas de terceiros devem ser usadas com as devidas precauções: As bibliotecas de terceiros aprimoram os requisitos de codificação e facilitam o processo de desenvolvimento. Às vezes, pode representar uma proposta muito arriscada. Portanto, o número de usuários da biblioteca deve ser limitado e uma política adequada deve existir para lidar com essas bibliotecas da melhor maneira possível contra ataques.

- O tratamento da sessão deve ser feito corretamente: Todas as sessões duram mais em dispositivos móveis em comparação com os laptops. Isso ajudará a aumentar a carga dos servidores. O token deve ser usado em vez dos identificadores de dispositivos, para que a sessão seja altamente segura e também segura. Os tokens também podem ser revogados a qualquer momento e são altamente úteis em casos de dispositivos roubados. Os desenvolvedores sempre devem considerar a opção de expiração das sessões.

Todos os outros tipos de medidas, como gerenciar as chaves com muita segurança e realizar testes adequados e periódicos dos aplicativos, devem ser realizados pelos desenvolvedores do aplicativo. Existem as ameaças mais recentes a cada dia que podem causar diferentes tipos de danos aos dispositivos. Portanto, é responsabilidade dos desenvolvedores de aplicativos tomar várias medidas para que a experiência do usuário possa ser aprimorada com a ajuda de níveis de segurança aprimorados adequados.

Sobre o autor

em branco

Equipe editorial

Adicionar comentário

Clique aqui para publicar um comentário